Fechar ou não fechar? Reunião nesta quinta-feira (9) deve definir o futuro da Arena Castelão | Camisa 8 | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
GRAMADO EM XEQUE
Fechar ou não fechar? Reunião nesta quinta-feira (9) deve definir o futuro da Arena Castelão
Encontro entre clubes, Federação e Governo deve sacramentar a questão
BRUNO BALACÓ
Postado em 8 de junho de 2022
Fechar ou não fechar? Reunião nesta quinta-feira (9) deve definir o futuro da Arena Castelão
Arena Castelão é o palco oficial de jogos do Ceará e Fortaleza. Foto: Governo do Ceará

Está marcada para a tarde desta quinta-feira (9) uma reunião para definir o futuro da Arena Castelão: se vai ou não fechar (e caso feche, quando isso irá ocorrer). O encontro reunirá representantes do Governo do Estado (com a liderança da Secretaria do Esporte e Juventude, responsável pela administração do Castelão), da Federação Cearense de Futebol, além dos clubes que mandam seus jogos no estádio: Ceará e Fortaleza.

>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Diante das fortes críticas à qualidade do gramado, prejudicado pela carga excessiva de jogos (foram 38 só este ano) e castigado pelas fortes chuvas na Capital, a Arena Castelão pode ter suas atividades interrompidas, para realização de uma reforma no campo.

Leia também | Técnico do Ceará faz duras críticas ao gramado da Arena Castelão: “com certeza o pior campo do Campeonato Brasileiro”

Posição da Sejuv

O entendimento do Governo do Estado é que o melhor a ser feito nesse momento é o fechamento da Arena Castelão para que o gramado passe por um processo de recuperação completo, não apenas uma revitalização, que foi a intervenção realizada no início desta temporada. Em entrevista exclusiva ao programa Camisa 8 do Youtube, na último dia 30, o titular da Secretaria do Esporte e Juventude (Sejuv), Rogério Pinheiro, falou sobre o tempo que Castelão precisaria para ser restaurado. “Qualquer solução definitiva na questão do gramado da Arena levaria em torno de 90 dias”, avisou o secretário, que lembrou que essa proposta já havia sido submetida aos clubes cearenses no início do ano.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

“Teríamos que ficar, no começo do ano, com o estádio fechado. Isso iria acarretar principalmente com a Copa do Nordeste. Por uma opção, em um diálogo aberto que temos com os clubes, principalmente Ceará e Fortaleza, que utilizam mais o estádio, eles foram categóricos e pediram que nós não fizéssemos essa intervenção no começo do ano. E isso vem acarretando nesse desgaste. Nesse período de chuvas, isso vem prejudicando ainda mais”, enfatizou Rogério Pinheiro.

Posição dos clubes e da Federação

Os presidentes de Ceará e Fortaleza ainda não se manifestaram publicamente sobre o possível fechamento da Arena Castelão, mas internamente sabe-se que ambos não abrem mão do estádio para realização dos jogos decisivos da Copa Sul-Americana e da Libertadores. Outros dois duelos de peso são os confrontos de oitavas de final da Copa do Brasil, agendados entre o fim de junho (22 ou 23) e início de julho (13 ou 14 de julho). Já a Federação Cearense de Futebol (FCF) defende a tese de “encontrar um meio termo para não os representantes cearenses”.

 

 

Deixe seu comentário