Câmbio manual ou automático? Qual o mais econômico | + Auto | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
+ AUTO
Câmbio manual ou automático? Qual o mais econômico
Consumidor ainda tem dúvidas sobre que tipo de câmbio é o melhor
André Marinho
Postado em 15 de junho de 2021
Câmbio manual ou automático? Qual o mais econômico
Carro com câmbio manual

Sempre teve carro com câmbio manual e está com medo de comprar um com câmbio automático por causa da manutenção, acha que a manutenção é mais cara e consome mais? Prossiga na leitura, por gentileza amigo internauta e tire sua conclusões.

Vantagens e desvantagens – Pra começar, uma informação que provavelmente vai pegar você de surpresa. Você sabia que a tecnologia do câmbio automático como se conhece hoje é fruto da imaginação de dois brasileiros? Fernando Iehly de Lemos e José Braz Araripe desenvolveram a ideia e venderam a patente para a General Motors em 1932 e os primeiros carros a adotarem o câmbio automático saíram da fábrica para as ruas em 1939. No Brasil, durante décadas ele foi conhecido como câmbio hidramático.

Conforto ou controle – O câmbio automático é facilmente relacionado a mais conforto para o motorista na hora de dirigir. O fato de deixar o pé esquerdo livre e não se preocupar com a troca de marchas já uma grande ajuda para quem pega trânsito pesado nas grandes cidades todos os dias.

Câmbio automático moderno

Já o câmbio manual é o preferido para quem não dispensa o total controle sobre o carro, podendo adequar as marchas para cada situação de acordo com seu gosto. É a opção ideal para quem mora em lugares sem muito congestionamento e para pessoas que têm prazer em dirigir.

Gastos com manutenção

Manutenção – O câmbio automático vai exigir mais do seu bolso caso precise de algum reparo, pois a tecnologia e a complexidade em relação ao câmbio manual acabam refletindo no preço da manutenção.

Porém, o câmbio manual, apesar de ter uma manutenção mais barata, tende a perder no quesito durabilidade. Na hora de calcular os gastos entre câmbio automático ou manual, lembre destes detalhes: automático estraga com menos frequência, mas é mais caro para arrumar. Manual exige reparo com mais frequência, mas é mais barato na manutenção.

Vale destacar também que o uso incorreto das marchas no câmbio manual pode resultar em aumento de consumo de combustível, queima da embreagem e prejuízo ao motor.

Quem consome mais combustível?

Consumo – Na hora de abastecer há quem também leve em conta o sistema de funcionamento do câmbio automático ou manual. O automático tem a fama de consumir mais combustível por fazer a troca de marcha em alta rotação, diferente do manual. Mas os modelos mais modernos, desde 2017, já fazem as trocas no momento certo e trazem tecnologia empregada para manter a rotação quase inalterada durante a troca de marchas, resultando em uma diferença cada vez menos expressiva entre as duas opções.

E claro que a troca de marchas feita de maneira errada no câmbio manual pode resultar também em mais consumo de combustível, então fique atento se optar pelo manual. Ficar esticando a marcha ou fazer reduzidas exageradas vai com certeza exigir mais de seu motor e do seu bolso.

Conclusão: qual é o melhor então. Se sua opção for de economia no dia a dia e na manutenção, vá de câmbio manual. Mas se a opção for pelo conforto e mais durabilidade, vá de câmbio automático. Eu prefiro o automático, sem dúvida nenhuma, até porque há carro automático com opção de trocas manuais no volante, caso o condutor assim desejar. A diferença na economia de combustível é mínima e a comodidade justifica o preço. Uma coisa eu garanto: se um dia você comprar um carro automático, não vai querer outra vida, é um caminho sem volta.

 

 

Deixe seu comentário