Vendas de motos voltam a aquecer | + Auto | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
+ AUTO
Vendas de motos voltam a aquecer
Alta na produção e vendas traz de volta otimismo ao setor
André Marinho
Postado em 18 de outubro de 2021
Vendas de motos voltam a aquecer
Motos no trânsito

A indústria de motocicletas instalada no Polo Industrial de Manaus – PIM produziu 896.558 unidades de janeiro a setembro. De acordo com dados da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo, o volume é 29,3% superior às 693.541 motocicletas fabricadas no mesmo período do ano passado e ultrapassa em 7,2% o total produzido em 2019 (836.450 unidades), período pré-pandêmico.

Honda CG, a mais vendida do Brasil

O presidente da Abraciclo, Marcos Fermanian, afirma que os números comprovam a recuperação do setor que prevê fechar o ano com 1.220.000 unidades fabricadas. “As associadas estão acelerando o seu ritmo de produção para atender a demanda. Além disso, mantêm a programação de lançamentos para ampliar a oferta de produtos e atender às exigências do consumidor”, afirma.

Moto esportiva Kawasaki

Fermanian destaca que o mercado de motocicletas deve seguir em alta, apesar da crise econômica. “A alta nos preços do combustível tem levado muitas pessoas a adquirir uma motocicleta por ser uma opção mais barata e econômica”, avalia. “Além disso, é uma alternativa de deslocamento seguro para evitar a aglomeração do transporte público e fonte de renda para aqueles que passaram atuar nos serviços de entrega, um setor que já vinha crescendo e ganhou impulso ainda maior durante a pandemia”, completa.

Em setembro, saíram das linhas de montagem 108.948 motocicletas, retração de 11,9% em relação ao volume registrado em agosto (123.722 motocicletas). Na comparação com o mesmo mês do ano passado, quando foram fabricadas 105.046 unidades, houve alta de 3,7%.

Vendas no varejo

O mercado de motocicletas segue aquecido. No acumulado do ano, foram licenciadas 840.971 motocicletas, alta de 33,3% em relação ao mesmo período de 2020 (630.859 unidades).

Deixe seu comentário