Você vive o “Chronos ou o Kairós”? | + Fé | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
COLUNA + FÉ
Você vive o “Chronos ou o Kairós”?
O tempo de Deus é diferente do nosso, assim como Seus pensamentos não são os nossos
PADRE LEANDRO DUTRA
Postado em 18 de janeiro de 2021
Você vive o “Chronos ou o Kairós”?
Foto: Pexels

Anteriormente, aqui na nossa coluna, falamos sobre o florescer do ser humano. Todos nós temos o nosso tempo de crescer, amadurecer, florescer e colher os frutos. Costumo chamar a atenção das pessoas, que me concedem a oportunidade de vivenciar a missão, que aquele que sabe o que planta não tem medo do que irá colher. Mas será que existe um tempo certo até para essa semeadura? O tempo de Deus é diferente do nosso, assim como Seus pensamentos não são os nossos.

O profeta Isaías nas Sagradas Escrituras nos apresenta que até os nossos pensamentos podem diferir no que tange a vontade de Deus:

“Por que os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos, os meus caminhos, diz o Senhor… Os meus pensamentos são mais altos do que os vossos pensamentos.” (Isaías 55,8-9)

Nós vivemos o Chronos, que é o tempo ligado ao relógio, no entanto, o tempo de Deus é o Kairos, um tempo ligado à Sua Divina Graça. Hoje, através dos meios de comunicação que impulsionam a vida moderna, tudo é muito rápido, e, em frações de segundos, podemos nos comunicar com o outro lado do mundo. Isso é bom, mas o problema é que nos acostumamos tanto com as facilidades tecnológicas, que desejamos isso para nossa vida num todo. Ao mesmo tempo que nos uniu, nos afastou.

Trocamos o abraço, a presença, o tempo de ouvir, de acolher o outro pelas redes sociais. Nos tornamos hoje reféns de uma sociedade imediatista, que nos motiva a querer tudo de forma pontual. Mais importante que a conquista, o percurso que nos leva até lá merece nossa atenção, pois é nele que se encontra todo o aprendizado. Deixo para você, querido leitor, dois passos que podem nos ajudar a vivenciar melhor o sabor do Chronos e do Kairós.

Primeiro: plante atitudes para colher resultados

Se o seu objetivo é buscar ter uma intimidade com Deus, ter um momento de oração diário, por exemplo, remover as distrações deve ser sua atitude. Se a internet é o problema, desligar seu wi-fi é a solução. Não faça pequenas concessões: geralmente, as primeiras decisões que tomamos no dia influenciam todas as outras que iremos tomar, portanto, quando o despertador tocar, por exemplo, levante-se e faça o que deve ser feito.

Segundo: tenha metas claras

Tente definir o que você quer como prioridade e canalize seus esforços para isso. Não fique “atirando para todos os lados”, pois isso só irá lhe cansar, e não o levará a lugar nenhum. Em todo caso, tenha paciência com você mesmo e nunca pare de lutar. Como nos ensina Santa Clara de Assis:

“Nunca perca de vista o seu ponto de partida!”

Deus nos ajuda sempre quando fazemos nossa parte! Esse é um assunto que precisamos sempre avaliar. Em breve, o abordaremos novamente por aqui!

Com minhas orações e benção!

Deixe seu comentário