Hamburgueria artesanal é aposta de empreendedores da gastronomia | Radar do Comércio | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
Radar do Comércio
Hamburgueria artesanal é aposta de empreendedores da gastronomia
O lanche muito associado à cultura norte-americana vem ganhando cada vez mais consumidores no Brasil, especialmente com as versões artesanais.
Sistema Fecomércio
Postado em 29 de janeiro de 2021
Hamburgueria artesanal é aposta de empreendedores da gastronomia
Além do público crescente, um dos motivos para os empreendedores apostarem em hamburguerias é a possibilidade de começar com poucos recursos (Foto: Pexels)

Os brasileiros estão cada vez mais rendidos ao lanche mais famoso da cultura norte-americana. O hamburguer, que embora tenha suas origens associadas à Ásia e à Europa, ficou conhecido no mundo inteiro através do cinema e das gigantes do fast-food americano, está entre os pratos prontos mais consumidos pelos brasileiros. De acordo com o iFood, o prato foi o mais pedido na plataforma durante o período em que a maior parte dos estados brasileiros ficaram em quarentena em 2020.

Não é por acaso que o país viu surgir muitas hamburguerias nos últimos anos. Além do público crescente, um dos motivos para os empreendedores apostarem nesses negócios é que é possível começar com poucos recursos, inclusive cozinhando em casa e vendendo via delivery.

Por isso, um dos principais investimentos para quem quer entrar no ramo é a qualificação. Assim como um grande público, o setor de alimentação tem muita concorrência, e a qualidade dos produtos é fundamental para conquistar uma clientela fiel. Dominar técnicas e ingredientes faz toda a diferença na hora de elaborar aquele hambúrguer com um sabor único e especial.

Sucesso em hamburgueria

Os irmãos Ricardo e Rafael Camurça  já tinham experiência com gestão, pois tinham outros negócios no ramo da alimentação, mas decidiram investir na qualificação em Gastronomia. Ricardo fez o curso Técnico em Cozinha no Senac Ceará. “Como a gente atuava mais na área administrativa, o curso foi fundamental para dominarmos o funcionamento de uma cozinha e a produção, além de aprender novas técnicas culinárias. A partir daí passamos a trabalhar mais dentro da cozinha e, desde então, as coisas começaram a melhorar”, conta.

Foi assim que o foodtruck de crepes no Porto das Dunas migrou para a avenida Bezerra de Menezes e adotou plenamente o conceito street food, vendendo hambúrgueres artesanais. “O conceito da 567 Burger foi pensado no estilo comida de rua, sem a necessidade de uma estrutura física elaborada, porém com a qualidade de um estabelecimento tradicional”, explica o empresário.

“A ideia de apostar na técnica de defumados surgiu depois de assistir alguns vídeos na internet e ver que estava em alta em outros países e estados. Fizemos alguns cursos, participamos de festivais como visitantes e resolvemos apostar! Eu aqui no Ceará e o meu irmão decidiu abrir o mesmo conceito na Europa”. Além de Fortaleza e Barreiro, em Portugal, os irmãos estão inaugurando uma hamburgueria em Jericoacoara.

Para quem deseja ter mais conhecimentos para gerar renda com hambúrgueres artesanais, o Senac está com inscrições abertas para o curso Cozinhar Para Vender: Hambúrgueres Artesanais. O curso acontece de forma remota e ao vivo e ensina tanto as técnicas para preparar os pratos quanto as dicas para organizar a venda dos produtos. Para mais informações sobre esse e outros cursos, acesse o site do Senac

 

Deixe seu comentário