Arte e Cultura

Oficina virtual discute papel de movimentos da periferia de Fortaleza

Museu da Cultura Cearense abre inscrições para aulas sobre criação de narrativas como ferramenta de emancipação

Compartilhe:
23 de novembro de 2020
Ninho Digital
Oficina virtual discute papel de movimentos da periferia de Fortaleza
Oficina virtual será ministrada pelo poeta e curador literário Talles Azigon

Ainda em celebração ao Dia da Consciência Negra, comemorado na última sexta-feira (20), o Museu da Cultura Cearense, equipamento do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, abriu inscrições até terça-feira (24) para a oficina virtual “Leitura de mundo: A mediação e a literatura para construir sentidos”, com o poeta e curador literário Talles Azigon.

Com ênfase no papel social de movimentos da periferia de Fortaleza que propõem a criação de narrativas como ferramenta de emancipação. A atividade é voltada para espaços e profissionais que podem utilizar essa metodologia como ferramenta de trabalho. Os inscritos com participação confirmada receberão certificado.

Leia mais | Da casa grande para as redes: Discursos racistas se multiplicam na internet

Em três encontros de 2 horas cada, o ministrante discutirá: Dia 1: O que é construir um significado? Conceitos e problematização dos conceitos de leitura e literatura. Dia 2: Como construir o significado? Conceito e problematização dos conceitos de mediação e mediação de leituras. Dia 3: Construir a prática. Como a Livro Livre Curió constrói suas práticas de leitura.

Serviço: Oficina virtual

Período: de 24 a 26 de novembro
Duração: 2h por dia / 6 h/a
Horário: 15h às 17h
Local: Plataforma fechada (Google Meets) – link enviado por e-mail
Inscrições: Até as 12h do dia 24 de novembro, via formulário virtual bit.ly/oficinaleiturademundo
Vagas: 20 participantes
Classificação etária: Livre