Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
RECORD TV
Câmera Record revela quem são as principais vítimas da violência e como a pandemia agrava o problema
Programa deste domingo (30) vai mostrar que mulheres, crianças e idosos são os grupos mais vulneráveis
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 28 de maio de 2021
Câmera Record revela quem são as principais vítimas da violência e como a pandemia agrava o problema
Luiz Fara Monteiro apresenta o Câmera Record. Foto: Divulgação / Record TV

O Câmera Record deste domingo (30) vai mostrar como crianças, mulheres e idosos sofrem com a violência no Brasil e como a pandemia agravou esse problema, já que as vítimas, muitas vezes, convivem com os agressores. Com apresentação é de Luiz Fara Monteiro, o programa vai ao ar às 23h15, na tela da TV Cidade, afiliada da Record TV no Ceará.

A violência, infelizmente, faz parte do dia a dia de muitos brasileiros. Mais de 29 milhões sofreram algum tipo de agressão psicológica, física ou sexual, de acordo com o ltimo levantamento do IBGE. Os dados foram coletados em 2019, com pessoas acima de 18 anos.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Os repórteres do programa se debruçaram sobre a pesquisa e mostram quem são as principais vítimas – mulheres, crianças e idosos – e os danos emocionais que elas podem carregar pelo resto da vida.

Para romper com a rotina de violência dentro e fora de casa, Kelly pegou os filhos e buscou refúgio na casa de amigos e parentes. Recentemente foi acolhida pela Erli, que também sofreu nas mãos do ex-companheiro.

Aos 44 anos, Kelly deu um basta no casamento de mais de uma década, no qual foi humilhada e agredida. “Já me arrastou pela rua na frente das pessoas. Eu me tornei parte dele. Eu me tornei propriedade dele”. Sob medida protetiva, hoje ela vive a um quilômetro de distância do ex.

Erli tem história parecida com a da amiga. Suportou brutalidades durante todo matrimônio. A situação foi piorando com o tempo, ao ponto de ser estuprada pelo próprio marido. “Sofri muito”, relembra.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

A pesquisa revela também que quase três milhões de idosos foram vítimas de alguma forma de violência. O casal Maria, de 78 anos, e Pedro, 69, faz parte dessa estatística. Não fosse a ajuda da vizinha Marilene, os dois estariam vivendo em condições ainda piores.

Marilene se revoltou ao ver a situação do casal de idosos, abandonado pelo filho, perto de onde mora. Na casa, falta comida e sobra agressão. “Eu gostaria de ajudar mais, mas eu não tenho como, o dinheiro é pouco. A dona Maria precisa de ajuda. Seu Pedro precisa de ajuda, ele é uma pessoa que bebe, chega em casa e é violento com a mulher.


Deixe seu comentário