Ceará se solidariza com atacante Robson, agredido durante protesto da torcida no desembarque do Fortaleza | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
REPÚDIO
Ceará se solidariza com atacante Robson, agredido durante protesto da torcida no desembarque do Fortaleza
Rivais em campo, Ceará e Fortaleza se uniram na luta contra a violência no futebol
BRUNO BALACÓ
Postado em 18 de junho de 2022
Ceará se solidariza com atacante Robson, agredido durante protesto da torcida no desembarque do Fortaleza
No jogo da última quinta-feira, em Floripa, Robson marcou um dos gols na derrota por 3 a 2 para o Avaí. Foto: Fortaleza/Divulgação

Logo após circularem as imagens em que o atacante Robson, do Fortaleza, aparece sendo vítima de um ato de agressão, ao ver um homem jogar um capacete em sua direção, em um protesto de torcedores durante o desembarque do Tricolor, na tarde desta sexta-feira (18), no Aeroporto Internacional Pinto Martins, o Ceará Sporting Club divulgou um nota nas redes sociais, demonstrando solidariedade ao seu grande rival em campo, unindo-se a ele na luta contra a violência no futebol.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

No texto, o Alvinegro destaca que “O Ceará SC repudia todo tipo de violência e se solidariza com a instituição Fortaleza EC, e também com o atleta Robson, pelos atos de violência sofridos na tarde desta sexta-feira (17). Prezamos e lutamos por um futebol sem violência em todos os momentos”. Na sequência, o Fortaleza respondeu a mensagem, agradecendo o apoio do Vovô. Agradecemos pelo gesto, @CearaSC. Reforçamos nossa união em prol da PAZ no esporte”, diz o post do Leão do Pici.

Fortaleza divulga nota de repúdio por agressão ao atacante Robson

Mais cedo, o Fortaleza havia divulgado uma nota em que “repudia, veementemente, as agressões sofridas pelo atacante Robson e demais atletas registradas na tarde desta sexta-feira (17)”, no desembarque do time vindo de Florianópolis, onde o time jogou e foi superado pelo Avaí por 3 a 2, pela 12ª rodada do Brasileirão.

Siga o Camisa 8 no Instagram 

“O Clube está dando todo suporte ao atleta e analisando o fato para verificar a necessidade de eventual adoção de medidas legais. Entendemos o momento difícil, as cobranças e a necessidade de melhorar, desde que os protestos não envolvam violência”, finaliza a nota.

>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário