Notícias

Escorpião: saiba como evitar e o que fazer em caso de picada

Com a chegada de chuvas no Ceará, é mais comum a ocorrência de acidentes com escorpiões

Compartilhe:
28 de janeiro de 2020
Márcia Catunda
Escorpião: saiba como evitar e o que fazer em caso de picada
Foto: Ministério da Saúde / Divulgação

Quem mora no Ceará há algum tempo já sabe: no período de chuvas é comum aparecerem mais insetos pela casa. Mas tem um que causa pânico em muita gente: o escorpião.

Segundo um boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado do Ceará, foram notificados 41.103 acidentes com escorpiões durante entre 2009 e 2020. Só neste ano, até agosto, foram 3.052 ocorrências, com um pico em janeiro.

Ataques de escorpiões, porém, podem acontecer durante todo o ano. Durante o período chuvoso, que geralmente é entre o final de um ano e o início de outro, os insetos procuram lugares secos e limpos dentro das casas. Isso aumenta o risco de um acidente.

Como evitar os escorpiões

Ralos de pias e banheiros são, muitas vezes, as formas que os escorpiões usam para entrar nas casas. Por isso é importante vedar essas entradas, de preferência com uma tela.

Como o principal alimento dos escorpiões são as baratas, manter a casa livre destes insetos é uma outra forma de diminuir a aparição do aracnídeo. Geralmente esses animais procuram espaços escuros, para se proteger da luz do dia, como armários, sapatos e até roupas. Garantir a limpeza desses locais também é uma forma de afastar os escorpiões.

Para quem tem jardim ou quintal, a organização dessas áreas da casa é essencial. Não acumular lixo, material de construção, entulhos e manter a grama aparada são algumas maneiras de evitar que os escorpiões entrem em casa.

O que fazer em caso de picada de escorpião

Geralmente as picadas das espécies de escorpiões que existem no Ceará causam dor de moderada a intensa e, em alguns casos, formigação. A orientação da Secretaria de Saúde é limpar o ferimento com água e sabão e, logo em seguida, procurar uma unidade de saúde. 

Também é recomendado fazer uma compressa com água morna, mas nunca colocar nenhuma substância, cortar ou prender a circulação na ferida. Ingerir bebidas alcoólicas pode agravar o quadro do ferimento.

Por fim, quando possível, capturar o escorpião e levá-lo quando for a uma unidade de saúde pode agilizar o diagnóstico médico.

Em Fortaleza, o Instituto Dr. José Frota (IJF) é considerado o hospital de referência em acidentes com escorpiões.