Brasil

Empregos temporários devem crescer no final do ano

Devem ser geradas mais de 900 mil vagas temporárias, 100 mil a mais do que as registradas em 2019

Compartilhe:
3 de outubro de 2020
Teste
Empregos temporários devem crescer no final do ano
Foto: Reprodução

Apesar da pandemia do novo Coronavírus, a geração de vagas de emprego formais por meio do trabalho temporário deve crescer 12% até o final do ano, em comparação ao mesmo período do ano passado. Os dados são da Associação Brasileira do Trabalho Temporário (ASSERTTEM).

A entidade aponta ainda que, neste período, poderão ser geradas mais de 900 mil vagas temporárias, frente às 800 mil abertas em 2019.

Segundo a Associação, a regulamentação do trabalho temporário, ocorrida há dez meses com a publicação do Decreto 10.060/2019, também estimula e contribui para as contratações na modalidade.

Historicamente, o segundo semestre do ano é o período de maior contratação de trabalhadores temporários, com destaque para o último quadrimestre (setembro, outubro, novembro e dezembro).

Isso ocorre, principalmente, devido às datas comemorativas, como o Dia das Crianças e o Natal. Nesta época, o setor de Comércio é responsável por grande parte das contratações. Porém, em 2020, a pandemia deve alterar esse cenário.