Notícias

Rivais históricos, PT e PSDB se juntam em 17 municípios cearenses

Em fevereiro, Partido dos Trabalhadores aprovou resolução em que permite alianças fora de suas parcerias históricas

Compartilhe:
4 de outubro de 2020
glaydson

Ignorando a rivalidade nacional entre tucanos e petistas, correligionários do PT e PSDB se uniram em 17 municípios em coligações para a disputa de prefeituras municipais. Esta é a primeira eleição após a derrota dos dois partidos na eleição 2018, quando Geraldo Alckmin e Fernando Haddad foram derrotados pelo então candidato presidencial Jair Bolsonaro.

As alianças já haviam sido chanceladas pela executiva nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), em fevereiro deste ano. Embora tenha preferência por grupos à esquerda, a legenda autorizou a união contra o bolsonarismo. “Nas situações em que o PT não encabeça a chapa e o candidato seja de um partido que não integre o espectro citado acima, somente serão permitidas alianças táticas e pontuais se autorizadas pelo diretório estadual, desde que candidato tenha compromisso expresso com a oposição a Bolsonaro e suas políticas”, diz texto divulgado pelo partido, na ocasião.

Em Fortaleza, embora o partido tenha optado pela candidatura de Luizianne Lins, deputada federal e ex-prefeita da cidade, o governador Camilo Santana, petista, é próximo do grupo comandado pelos Ferreira Gomes, que lançou o nome de José Sarto à disputa. A candidatura é apoiada pelo PSDB.

Em entrevista à Época, ainda em junho, o senador cearense Tasso Jereissati defendeu uma aliança do partido contra o bolsonarismo, mas fez críticas a Lula. “A principal liderança de esquerda agir dessa forma hoje é, sim, um impedimento, ainda que não seja a posição oficial do partido. Todo o restante das lideranças está dialogando, como bem mostrou o debate entre FHC, Ciro Gomes e Marina Silva, na Globonews. Eu dialogo com a Marina e o Ciro e temos muitos pontos em comum. No DEM, Tanto o Davi Alcolumbre quanto o Rodrigo Maia e o ACM Neto, presidente do partido, têm uma abertura muito grande. PSD, Podemos, Rede, a mesma coisa, ainda que haja discordâncias no plano da atividade parlamentar”, afirmou.

RIVALIDADE HISTÓRICA

A polarização entre os dois partidos acontece desde 1994, quando Fernando Henrique Cardoso foi eleito presidente contra Luiz Inácio Lula da Silva. A dose se repetiu nas eleições seguintes, com quatro vitórias do PT, até 2018, quando os dois grupos foram derrotados pelo PSL, que abrigava o então candidato Jair Bolsonaro.

Veja a lista de municípios com alianças entre tucanos e petistas no Ceará:
  1. Abaiara
  2. Aracoiaba
  3. Camocim
  4. Caridade
  5. Ipueiras
  6. Jaguaretama
  7. Jaguaribara
  8. Lavras da Mangabeira
  9. Maranguape
  10. Milhã
  11. Ocara
  12. Parambu
  13. Piquet Carneiro
  14. Sobral
  15. Tauá
  16. Tianguá
  17. Viçosa do Ceará