Notícias

Idosos representam 20% do eleitorado do país em 2020

No Ceará, o eleitorado idoso corresponde a 1,2 milhões de pessoas

Compartilhe:
27 de outubro de 2020
Teste
Idosos representam 20% do eleitorado do país em 2020

O Brasil tem 30 milhões de pessoas a partir de 60 anos aptas a votar nas eleições deste ano. O número é equivalente a 20% do eleitorado do país, o maior percentual já registrado desde 1992. No Ceará, o eleitorado idoso corresponde a 1,2 milhões de pessoas. Os dados constam no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A participação dos idosos no eleitorado brasileiro tem crescido nas últimas décadas. Em 1992, por exemplo, esse público representava 10% do eleitorado. Em 2000, era 13%. Em 2010, 15%. Nestas eleições, 20%.

Em números absolutos, a quantidade de eleitores idosos saltou de 9,5 milhões em 1992 para 30,2 milhões em 2020, segundo os dados do TSE.

No Ceará, por exemplo, em 2010 eram 919,9 mil eleitores idosos, em 2020 são 1,2 milhões. Em números absolutos, isso representa um acréscimo de quase 288 mil eleitores na faixa etária a partir dos 60 anos.

Pandemia

Neste ano, por conta da pandemia, os idosos terão horário preferencial no dia da votação (das 7h às 10h), e as seções eleitorais devem adotar uma série de medidas para evitar a disseminação da Covid-19, como o uso do álcool em gel e as recomendações de levar a própria caneta e manter a distância de pelo menos 1 metro do outro eleitor na fila. Também é obrigatório usar máscara facial no local da votação.

Os idosos sentem mais os efeitos da infecção pela Covid-19 porque o sistema imunológico dessa população é mais frágil.