Notícias

Ciro Gomes e Lula se encontram para “selar a paz”, diz jornal

Encontro foi intermediado pelo governador Camilo Santana

Compartilhe:
3 de novembro de 2020
glaydson
Ciro Gomes e Lula se encontram para “selar a paz”, diz jornal
Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

O ex-presidente Lula (PT) e Ciro Gomes (PDT), se encontraram em setembro no Instituto Lula, em São Paulo para selar a paz entre os dois. O encontro foi intermediado pelo governador Camilo Santana, que participou do encontro. A informação foi divulgada pelo jornal O Globo e confirmada por aliados dos dois políticos.

A reaproximação de Lula e Ciro já tinha sido cantada pelo marqueteiro João Santana, que falou no Roda Viva, da TV Cultura, que somente uma chapa encabeçada por Ciro e Lula para vencer Bolsonaro nas eleições de 2022. Para o presidente do PDT, Carlos Lupi, a situação é pouco provável.  “Acho pouquíssimo provável, mas quem sabe. Um gesto deste mexe com todo o tabuleiro eleitoral”.

Já a candidata do PT à prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins, disse que o encontro entre os dois é uma “fake news”. “Não teve. Eles adoram falsear a realidade. O Lula encontrou com o Ciro há muito tempo”, disse a candidata.

André Figueiredo, presidente do PDT, no Ceará disse ser descrente sobre uma chapa em que o PT aceite não ser o cabeça de chapa. “Tenho muito pouco a falar. Foi um encontro coordenado pelo governador Camilo Santana (PT). A nível de PDT, não temos nada a nos opor, apenas somos descrentes da possibilidade de uma composição em que o PT aceite não ser cabeça de chapa. Mas dialogar sempre é importante”, afirmou André Figueiredo.

Desde as eleições de 2018, a relação entre Ciro e Lula anda estremecida. Ciro criticou a postura do PT em não abrir mão da candidatura para apoiar a sua, já que a candidatura de Lula estava impossibilitada pela lei da ficha limpa.

Já Lula e o PT disseram que não poderiam abrir mão da candidatura, após uma série de desgastes nos últimos anos, para transferir a sua base eleitoral para outro candidato. De lá pra cá o clima entre os dois continuou pesado com trocas de palavras de desaprovação em público.

Esse encontro aguçou ainda mais a disputa eleitoral em Fortaleza. Isso porque Lula faz campanha para Luizianne (PT) e Ciro para Sarto (PDT). Já o governador Camilo Santana que é do PT não declarou apoio a Luizianne, mas é simpatizante de Sarto (PDT). Mas também não declarou apoio ao candidato de Ciro Gomes. Vamos aguardar os próximos movimentos nesse tabuleiro político que envolve diretamente a capital cearense.