Notícias

Limpeza do celular não deve ser ignorada na pandemia; saiba como proceder

Especialista alerta que higienização do aparelho é colocada em 2º plano pelos usuários

Compartilhe:
3 de novembro de 2020
Ninho Digital
Limpeza do celular não deve ser ignorada na pandemia; saiba como proceder
Higiene dos celulares não deve ser ignorada, alertam especialistas

Enquanto ainda não existe vacina para o novo Coronavírus, as ações de prevenção devem ser mantidas para reduzir os riscos de contaminação. Um dos pontos que merece atenção é o uso do celular. Embora a higienização do aparelho seja alertada desde o início da pandemia, é ignorada por parte da sociedade.

De acordo com a infectologista Melissa Medeiros, “existem estudos mostrando que esse vírus pode durar algumas horas ou alguns dias em superfícies como material de madeira e aço. Recentemente, foi falado também da possibilidade da permanência do vírus nos celulares, além de um estudo recente mostrando que ele pode ficar até 9 horas sendo identificado na pele”.

A especialista pondera que a detecção do vírus em uma superfície não significa, necessariamente, possibilidade de infecção. Ainda assim, o procedimento de limpeza se faz necessário. “Isso não quer dizer que a gente tenha que se descuidar da higienização, principalmente de celulares, computadores e outros materiais que a gente leva para a rua e traz pra dentro de casa. É importante sempre higienizar com um pano umedecido com álcool”.

O infectologista Keny Colares finaliza: “É interessante que a gente mantenha a guarda alta, dentro do possível, para levar a vida da melhor forma possível. Precisamos manter ao máximo os cuidados para a gente não cantar vitória antes da hora e depois ter que enfrentar mais uma piora”.