Notícias

Juazeiro do Norte: MPE emite parecer pelo deferimento de Gledson Bezerra, eleito prefeito

Registro foi indeferido por ausência de comprovantes de desincompatibilização do cargo que ele exercia na Polícia Civil

Compartilhe:
18 de novembro de 2020
Ninho Digital
Juazeiro do Norte: MPE emite parecer pelo deferimento de Gledson Bezerra, eleito prefeito
Gledson Bezerra assumiu como prefeito de Juazeiro em janeiro deste ano. Foto: Divulgação

O procurador eleitoral Samuel Miranda Arruda emitiu, nesta quarta-feira (18), parecer favorável pelo deferimento do registro de candidatura de Gledson Bezerra (Podemos), eleito prefeito de Juazeiro do Norte, no Cariri. Apesar de ter obtido 38,18% dos votos, teve seu registro indeferido por não ter comprovado desincompatibilização do cargo que exerce na Polícia Civil.

De acordo com o procurador, “não se pode concluir pela ocorrência da inelegibilidade por presunção ou mera desconfiança sobre alguns elementos colhidos nos autos, não havendo nenhuma prova concreta que indique que o afastamento do servidor do exercício das funções não ocorreu no modo alegado pelo requerente a candidato”.

Em entrevista, um dia após ser eleito, Gledson comentou o indeferimento às vésperas da eleição. “Enfrentamos uma luta muito árdua nos últimos três dias, que se a gente não tive uma densidade eleitoral muito grande, certamente a gente tinha ficado pelo meio do caminho. Muita gente achava que eu não seria candidato em três dias e reverter isso é muito difícil”, disse.

O prefeito eleito foi vereador por 12 anos e até assumiu a presidência da Câmara. Na eleição, derrotou o atual gestor, Arnon Bezerra (PTB), que obteve 36,2% dos votos válidos.