Trabalhador vai poder usar FGTS para comprar ações da Eletrobras; saiba como | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
INVESTIMENTO
Trabalhador vai poder usar FGTS para comprar ações da Eletrobras; saiba como
Trabalhador poderá usar 50% do valor da conta individual do Fundo de Garantia, sendo R$ 200 reais o investimento mínimo
IGOR SILVEIRA
Postado em 21 de outubro de 2021
Trabalhador vai poder usar FGTS para comprar ações da Eletrobras; saiba como
Foto: Reprodução

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) poderá ser usado para comprar ações da Eletrobras. É o que prevê uma das regras do modelo de privatização da estatal.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

O trabalhador poderá usar 50% do valor da conta individual do Fundo de Garantia, sendo R$ 200 reais o investimento mínimo.

A modelagem de privatização, que foi apresentada nesta semana e ainda será analisada pelo Tribunal de Contas da União (TCU), também permite que qualquer pessoa física que more no Brasil compre as ações da empresa, quando ela for desestatizada.

Hoje, a União detém 60% dos papéis da Eletrobras e a intenção é ficar com 45%. Ou seja, a ideia é que o governo continue sendo o principal acionista, mesmo sem ter a maioria das ações.

As projeções indicam que será possível arrecadar R$ 100 bilhões com a desestatização da Eletrobras. De acordo com o documento apresentado pelo governo, a hidrelétrica de Itaipu e a Eletronuclear não serão incluídas na privatização.

Leia também | Medida Provisória que viabiliza privatização da Eletrobras é aprovada no Senado

Saque do FGTS: esperar até o dia 10 de cada mês é mais vantajoso para o trabalhador; saiba por quê

Desde o último dia 1º, trabalhadores nascidos em outubro optantes pelo saque-aniversário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) podem sacar os valores do benefício. No entanto, o que muita gente não sabe é que, todo dia 10, o saldo do fundo é corrigido. Com isso, um valor extra é depositado aos beneficiários.

Quem tem interesse em aderir à modalidade pode solicitar até o último dia do mês de nascimento para garantir os pagamentos ainda em 2021. O valor pode ser resgatado até o último dia útil do segundo mês subsequente ao do seu aniversário. Por exemplo, quem recebeu em agosto poderá sacar até 31 de outubro.

>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

 


Deixe seu comentário