PRIMEIRO PASSO

Projeto da UFC oferece atendimento virtual para pessoas em situação de perda, luto e separação

Iniciativa promove diversas atividades para ajudar pessoas enlutadas a enfrentar momentos de dor

Compartilhe:
11 de novembro de 2021
Assistente de Redação vídeo

Em tempos de pandemia de covid-19, milhares de pessoas têm vivido a dolorosa experiência da perda de entes queridos. Só no Brasil já são mais de 610 mil vidas perdidas pela doença. Paralelo a essa realidade, os brasileiros têm sofrido com ansiedade e com o sofrimento mental, que foram agravados com a necessidade de distanciamento social.

Projeto da UFC oferece atendimento virtual para pessoas em situação de perda, luto e separação
Além de sessões de terapia, o projeto tem como pilar o cuidado de Enfermagem com Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS), Foto: UFC/Divulgação

>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<

Com o objetivo de dar suporte a pessoas que têm passado por situações como essas durante a pandemia e precisam de ajuda especializada, o Projeto Integrado de Pesquisa e Extensão em Perda, Luto e Separação (PLUS+), do Departamento de Enfermagem (DENF) da Universidade Federal do Ceará, lançou um serviço de atendimento de forma virtual, por meio de videoconferências, chamadas de voz e mensagens por Whatsapp com orientações sobre autocuidado.

Além de sessões de terapia, o projeto tem como pilar o cuidado de Enfermagem com Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS). Entre elas, a auriculoterapia (estimulação de pontos das orelhas por meio de agulhas) e os Florais de Bach (essências de flores que são utilizadas como tratamento complementar nos desequilíbrios emocionais).

Leia também | Especialista orienta como encarar a dor da perda e trabalhar luto nas crianças

Outro serviço oferecido é o atendimento para pessoas com necessidade de escuta, orientação, aconselhamento ou apoio emocional, realizada pela própria coordenadora do projeto, enfermeira e professora Angela Souza, do DENF.

Segundo a coordenadora do projeto, níveis de adoecimento mental durante e após a pandemia tendem a ser catastróficos, destacando-se o surgimento ou agravamento de sintomas ou quadros completos de transtornos ansiosos, depressivos e pós-traumáticos. Por isso, se faz necessária a busca de ajuda especializada para tratar esses problemas.

Luto na pandemia

O projeto PLUS+ conta com equipe formada por profissionais e estudantes voluntários do Curso de Enfermagem da UFC devidamente capacitados pelo projeto como terapeutas.  “Nosso propósito de prestar assistência em cenários envolvendo perda, luto e separação vai além do amparo à morte. Estamos aptos a também lidar com outros cenários de adversidades humanas, seja em âmbito pessoal, social, familiar ou conjugal”, destaca a coordenadora do projeto.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

De acordo com a professora Ângela Sousa, os transtornos surgem devido a uma confluência de fatores, e a individualidade de cada pessoa deve ser respeitada. “É importante que cada um de nós desenvolva a prática do autocuidado, amor próprio e autoconhecimento”, destaca.

Como são realizados os atendimentos?

Os interessados em buscar atendimento devem entrar em contato pelo e-mail [email protected] ou [email protected], com o assunto “Estou precisando de abraço, estou de luto”. Outra opção é enviar mensagem direta para o perfil do projeto no Instagram (@plusdenfufc).

WhatsApp do GCMais

NOTÍCIAS DO GCMAIS NO SEU WHATSAPP!

Últimas notícias de Fortaleza, Ceará e Brasil

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp.