Covid-19: cientistas detectam nova variante na França | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
SAÚDE
Covid-19: cientistas detectam nova variante na França
Denominada de B.1.640.2., a cepa tem 46 mutações e apenas 12 casos foram detectados até agora no país
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 4 de janeiro de 2022
Covid-19: cientistas detectam nova variante na França
Foto: Reprodução

Uma nova variante do coronavírus foi identificado no Instituto Mediterrâneo de Infecção do Centro Hospitalar Universitário (IHU) na França. Denominada de B.1.640.2., a cepa tem 46 mutações e apenas 12 casos foram detectados até agora no país europeu.

>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<

A nova mutação foi descrita em artigo publicado na plataforma medRxiv em versão pré-print, que ainda precisa passar pela revisão de pares, em 10 de dezembro. Um conjunto de 12 casos da B.1.640.2 foi confirmado perto da área de Marselha, no sul da França. Os cientistas definem a nova variante como uma “combinação atípica” com 46 mutações e 37 supressões.

O primeiro caso de infecção pela nova variante foi um homem totalmente vacinado que havia retornado em novembro de uma viagem a Camarões, na África. Ele teria apresentado apenas sintomas respiratórios leves.

Testes laboratoriais mostraram que a nova variante possui as mutações E484K, que torna o vírus mais resistente às vacinas, e a N501Y, originalmente descoberta na variante Alpha, associada a maior transmissibilidade.

Leia mais | Sintomas da Ômicron são semelhantes ao de um simples resfriado; saiba quais

Sintomas da Ômicron

Cientistas descobriram mais dois novos sintomas dos infectados com a variante Ômicron. A nova variante do coronavírus é responsável pelo aumento de casos da doença, principalmente na Europa, fazendo países como a França quebrarem os recordes de infecções.

Pesquisa concluiu que os sintomas da Ômicron são mais semelhantes ao de um simples resfriado do que com os sintomas clássicos de Covid-19.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário