Secult suspende programações culturais presenciais de janeiro no Ceará por surto de Covid e Influenza | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
SUSPENSÃO
Secult suspende programações culturais presenciais de janeiro no Ceará por surto de Covid e Influenza
A decisão será reavaliada no final de janeiro, conforme as diretrizes do Comitê de Enfrentamento da Covid do Estado
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 7 de janeiro de 2022
Secult suspende programações culturais presenciais de janeiro no Ceará por surto de Covid e Influenza
Foto: Thiago Matine / Prefeitura de Fortaleza

A Secretaria da Cultura do Ceará (Secult-CE) anunciou, na manhã desta sexta-feira (7) a suspensão das programações culturais presenciais durante o mês de janeiro na rede pública. O motivo é o aumento dos casos de síndrome respiratória, principalmente Covid-19 e Influenza.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<

De acordo com a nota publicada na manhã de hoje nas redes sociais, a medida está em consonância com as medidas preventivas do novo decreto que entrou em vigor nesta quinta-feira (6) em todo Ceará e que limita a capacidade de público em eventos festivos em espaços públicos.

Conforme a Secult, a decisão será reavaliada no final de janeiro, conforme as diretrizes do Comitê de Enfrentamento da Covid do Estado.

Ao longo do mês de janeiro, a Secult disponibilizará programações culturais on-line com transmissão nos canais e plataformas digitais dos equipamentos. A pasta deve divulgar mais detalhes sobre serviços, ações e funcionamento da Rede Pública de Equipamentos Culturais ao longo das próximas semanas.

Leia também | Mutirão para vacinar pessoas em situação de rua contra Covid e Influenza recomeça na segunda-feira (10), em Fortaleza

Esta semana, o governador do Ceará, Camilo Santana, anunciou que estão suspensas as festas de Pré-Carnaval e Carnaval em todas as cidades do estado. Também ficou definida a redução em 10 vezes do número de pessoas em eventos sociais, como casamentos, formaturas e aniversários. Agora, só são permitidos eventos em ambientes fechados com até 250 pessoas e eventos em locais abertos com até 500 pessoas. A medida tem validade de 30 dias.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário