Mais de 600 banhistas foram resgatados pelo Corpo de Bombeiros do Ceará em 2021 | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
BALANÇO
Mais de 600 banhistas foram resgatados pelo Corpo de Bombeiros do Ceará em 2021
Entre os salvamentos realizados, 306 foram de cearenses, enquanto os demais eram de pessoas nativas de outros estados e países
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 8 de janeiro de 2022
Mais de 600 banhistas foram resgatados pelo Corpo de Bombeiros do Ceará em 2021
Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

O Corpo de Bombeiros Militar do Ceará resgatou, ao longo de 2021, 601 banhistas em todo o território estadual. O balanço de 2021 é superior aos anos de 2019 e 2020, quando militares da corporação salvaram 404 e 445 banhistas, respectivamente.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Entre os salvamentos realizados em 2021, 306 foram de cearenses, enquanto os demais eram de pessoas nativas de outros estados e países.

Além dos cearenses, foram resgatados: cinco acreanos, dois alagoanos, três capixabas, seis mato-grossenses, sete paraenses, nove paraibanos, sete pernambucanos, quatro fluminenses, sete roraimenses, quatro gaúchos, quatro tocantinenses, 21 amazonenses, 39 piauienses, 25 brasilienses, 10 goianos, 16 maranhenses, 51 mineiros, 11 sul-mato-grossense e 58 paulistas. Além dos brasileiros, ainda foram resgatados seis estrangeiros da Alemanha, França, Itália, Estados Unidos e Argentina.

“O Batalhão de Busca e Salvamento [BBS] viabiliza guarda-vidas, além de quadriciclos, viaturas quatro por quatro e motos aquáticas com o apoio de ambulâncias do tipo resgate do Batalhão de Socorro de Urgência (BSU) e placas de sinalização. Atuam na prevenção e salvamentos de banhistas a 1ª e 2ª Companhias de Salvamento Marítimo do Batalhão de Busca e Salvamento, a 3ª Companhia do 4º Batalhão de Bombeiros Militar (3ªCia/4ºBBM), com sede em Aracati, a 5ª Companhia do 3º Batalhão de Bombeiros Militar (5ªCia/3ºBBM) com sede em Itapipoca, e do Posto Avançado de Jericoacoara”, detalha o major Chailon Fonteles, comandante da 1ª Companhia de Salvamento Marítimo do Batalhão de Busca e Salvamento (1ªCSMar/BBS).

A corporação realizou ainda 102.366 ações de prevenção. O Corpo de Bombeiros também encontrou 67 crianças e idosos que estavam perdidos e entregou aos seus responsáveis.

Leia também | Sobe para 5 o número de mortos no desabamento em Capitólio (MG)


Deixe seu comentário