mobilidade

Pedala Mais Fortaleza: Prefeitura pretende dobrar número de ciclistas na capital

A meta é parte das ações previstas no programa Pedala Mais Fortaleza, que procura ampliar a malha cicloviária e a segurança de ciclistas.

Compartilhe:
10 de outubro de 2023
Portal GCMAIS

O programa Pedala Mais Fortaleza, lançado pela Prefeitura na segunda-feira (9), tem como objetivo atingir o dobro da quantidade de ciclistas atualmente pedalando na cidade, em um período de 10 anos. Conforme o poder público, hoje a capital cearense conta com 428,8 quilômetros de malha cicloviária, com intenção de chegar a 500 quilômetros em 2024.

Pedala Mais Fortaleza: Prefeitura pretende dobrar número de ciclistas na capital
Foto: Rodrigo Carvalho / Prefeitura de Fortaleza

O programa prevê investimentos em quatro frentes:

  • Ampliação da malha cicloviária: até 2024, serão implantados mais 71 km de ciclovias e ciclofaixas, totalizando 500 km de infraestrutura cicloviária.
  • Incentivo ao uso da bicicleta: o programa prevê a implantação de novas estações do Bicicletar, com foco em bicicletas elétricas, além de campanhas de conscientização e cursos de pilotagem.
  • Melhoria da segurança: o programa prevê a implantação de balizadores e outros elementos para garantir a segurança dos ciclistas.
  • Diversificação do público: o programa busca atrair novos públicos para o uso da bicicleta, incluindo mulheres, crianças e idosos.

O lançamento do programa contou com a presença do prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT), do secretário municipal de Conservação e Serviços Públicos, Luiz Alberto Sabóia, e de representantes da Bloomberg Philantropies e da Global Designing Cities Initiative (GDCI). A Bloomberg Philantropies é uma organização sem fins lucrativos que investe em projetos de desenvolvimento econômico e social em todo o mundo, enquanto a Global Designing Cities Initiative (GDCI) é uma parceria entre a Bloomberg Philantropies e a Gehl Architects, que trabalha para melhorar a qualidade de vida nas cidades.

Fortaleza foi escolhida como uma das 10 cidades do mundo a receber financiamento da Bloomberg Philantropies para o programa Pedala Mais, para contemplar os ciclistas da capital.

Sarto disse que a cidade receberá mais 100 estações do Bicicletar, que também terá bicicletas elétricas. “Também vamos plantar 300 árvores adultas, além da ampliação dos Xiringadores, entre outras ações. Nossa equipe estabelece políticas públicas baseadas em dados. Nada é empírico, nós temos dados que mostram que o melhor caminho é do investimento na política cicloviária”, pontuou ainda.

Leia também | Acesso de bicicletas no VLT Parangaba-Mucuripe está liberado; confira regras de utilização

>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

WhatsApp do GCMais

NOTÍCIAS DO GCMAIS NO SEU WHATSAPP!

Últimas notícias de Fortaleza, Ceará e Brasil

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp.