Anvisa identifica caso de Covid-19 em brasileiro vindo da África | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
VARIANTE ÔMICRON
Anvisa identifica caso de Covid-19 em brasileiro vindo da África
Até o momento, não há confirmação se o caso é da variante Ômicron. O paciente, que já está em isolamento, está vacinado.
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 28 de novembro de 2021
Anvisa identifica caso de Covid-19 em brasileiro vindo da África
Foto: Agência Brasil

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que identificou um caso de Covid-19 em um brasileiro com passagem pela África do Sul e que desembarcou em Guarulhos neste sábado (27), em um voo da Ethiopian Airlines. O homem testou positivo para coronavírus. Até o momento, não há confirmação se o caso é da variante Ômicron. O brasileiro vindo da África, que já está em isolamento, recebeu a vacina contra a Covid-19 antes de viajar.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

O passageiro chegou ao Brasil com teste negativo, assintomático. Contudo, após sua chegada, a Anvisa foi informada às 21h12 de sábado sobre o resultado positivo de um novo teste de RT-PCR, realizado por um laboratório localizado no aeroporto de Guarulhos.

Monitoramento do brasileiro vindo da África

Depois da identificação e da testagem com resultado positivo para Covid-19, o brasileiro foi colocado em isolamento e já cumpre quarentena residencial. Os órgãos de saúde estadual e municipal de São Paulo passam a fazer o monitoramento do caso. O Ministério da Saúde também acompanha o caso.

Variante Ômicron

A República Tcheca e a Alemanha anunciaram neste sábado, (27), que investigam suspeitas de casos da nova variante do SARS-CoV-2, a Ômicron. Na Holanda, nesta manhã, chegaram por via aérea 61 pessoas com covid-19 vindas da África do Sul – país onde a cepa foi inicialmente detectada. Autoridades holandesas analisarão se estes passageiros estão infectados com a Ômicron.

Na sexta-feira (26) foi detectado, na Bélgica, o primeiro caso da nova variante em solo europeu – uma jovem adulta sem qualquer ligação com a África do Sul ou países da África Austral, mas que manifestou sintomas 11 dias depois de viajar entre a Turquia e o Egito.

Leia também |Covid-19: Brasil vai restringir voos vindos de seis países da África

Um dia depois, a República Tcheca e a Alemanha registam os primeiros casos suspeitos desta variante, também conhecida por B.1.1.529.

“Um laboratório está avaliando a possível descoberta de um espécime da variante Ômicron. Estamos aguardando confirmação ou refutação do caso”, informou neste sábado a porta-voz do Governo tcheco, Stepanka Cechova.

Segundo o Instituto Nacional de Saúde Pública da República Tcheca, o passageiro suspeito visitou a Namíbia. A Alemanha avalia, ainda, o caso de um viajante vindo da África do Sul. Apesar de não ter se confirmado, o caso gerou alarde no governo alemão.

“A variante Ômicron provavelmente já está presente na Alemanha”, anunciou nesta manhã no Twitter Kai Klose. “Por causa dessa forte suspeita, essa pessoa está isolada em casa. A análise completa dos resultados ainda está em andamento”, disse o ministro.

Os testes realizados na noite de sexta-feira a um passageiro que chegou ao aeroporto de Frankfurt, oriundo da África do Sul, revelaram “várias mutações típicas do Omicron”, acrescentou.

Na Holanda, pelo menos 61 passageiros de dois voos da África do Sul testaram positivo para a covid-19 na chegada a Amsterdã. As autoridades sanitárias analisam se há entre os casos algum da nova variante Ômicron.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<


Deixe seu comentário