Sobe para 5 o número de mortos no desabamento em Capitólio (MG) | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
TRAGÉDIA
Sobe para 5 o número de mortos no desabamento em Capitólio (MG)
Corpo de Bombeiros estima que 20 pessoas estão desaparecidas após a queda da estrutura rochosa sobre lanchas
REDAÇÃO GCMAIS COM R7
Postado em 8 de janeiro de 2022
Sobe para 5 o número de mortos no desabamento em Capitólio (MG)
Foto: Reprodução/Record TV Minas

O Corpo de Bombeiros confirmou, na tarde deste sábado (8), que subiu para 5 o número de mortos na queda de uma estrutura rochosa sobre lanchas, na região dos cânions de Capitólio, a 293 km de Belo Horizonte.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

O coronel Edgard Estevo confirmou que a corporação estima que 20 pessoas estão desaparecidas.

Ainda segundo o militar, três pessoas foram socorridas com ferimentos para um hospital de Passos, três vítimas foram levadas para São João da Barra e outras duas para Pium-í. Ao todo, 23 banhistas foram atendidos em Capitólio e liberados.

Cerca de 40 bombeiros estão empenhados nas buscas pelos desaparecidos.  De acordo com Estevo, os mergulhos não devem ser feitos no período noturno por questões de segurança.

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), se solidarizou com as famílias das vítimas mortas no acidente.

“Sofremos hoje a dor de uma tragédia em nosso Estado, devido às fortes chuvas, que provocaram o desprendimento de um paredão de pedras no lago de Furnas, em Capitólio. O Governo de Minas está presente desde os primeiros momentos através da Defesa Civil e Corpo de Bombeiros. Os trabalhos de resgate ainda estão em andamento. Solidarizo com as famílias neste difícil momento. Seguiremos atuando para fornecer o apoio e amparo necessários”, escreveu o político.

Leia também | Rocha desaba atinge pelo menos três lanchas em Capitólio (MG)

Cânions de Capitólio

Os cânions do Lago de Furnas, localizados na cidade de Capitólio, são formados por paredões com mais de 20 metros de altura. O local atrai muitos turistas que buscam passeios de lanchas e mergulho nas águas da região. Muitos visitantes também procuram o Mirante dos Cânions, onde é possível ver toda a paisagem.

Confira o vídeo do desabamento:

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário