Casal finge passar mal para não pagar conta de R$ 400 em restaurante | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
BRASIL
Casal finge passar mal para não pagar conta de R$ 400 em restaurante
O episódio aconteceu no último sábado (30), na capital paranaense
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 1 de maio de 2022
Casal finge passar mal para não pagar conta de R$ 400 em restaurante
Foto: Agência Brasil

Em Curitiba, um casal foi preso suspeito de fingir que estava passando mal para não pagar a conta de cerca de R$ 400 um restaurante. O episódio aconteceu no último sábado (30), na capital paranaense.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Casal finge passar mal em Curitiba

Conforme a Polícia Civil, o casal foi até um restaurante japonês e, após o consumo dos alimentos, simulou que estava passando mal. A corporação informou ainda que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser chamado para tentar ajudar os dois.

A Polícia Militar foi acionada assim que surgiram as primeiras suspeitas que a situação seria um golpe. O homem se apresentou com um nome falso quando os policiais chegaram.

Os dois acabaram sendo presos e encaminhados para a Central de Flagrantes de Curitiba (PR). Os dois foram autuados por estelionato, destacou a Polícia Civil. O caso segue sendo investigado.

Leia mais | Golpe do delivery: saiba o que é e como se proteger para não ser vítima

Homem que já aplicou golpes no CE é preso por calote em bar de TO

Dois dias após sair da prisão sem pagar fiança após aplicar golpe de mais de R$ 6 mil em bar de Goiânia, Ruan Pamponet Costa, de 42 anos, foi preso novamente em Tocantins pelo mesmo crime no dia 21 de abril. Ele consumiu mais de R$ 5 mil em produtos em um bar de Palmas, capital tocantinense.

O homem deu o calote em Tocantins mesmo sendo orientado pela juíza que o soltou a ficar longe de bares e não agir mais de má-fé. O modus operandi foi o mesmo do golpe em Goiás. Ou seja, ele estava na mesa com outras pessoas pedindo vários itens caros.

Os atendentes do bar de Palmas desconfiaram de Ruan e quando a conta chegou a R$ 5 mil eles pediram o pagamento parcial, mas ele fingiu passar mal e disse não ter dinheiro. A Polícia Militar de Tocantins foi acionada e levou o homem à Central de Flagrantes da Polícia Civil.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

Deixe seu comentário