Hospital de campanha é desativado em unidade de saúde em Fortaleza | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
atividades encerradas
Hospital de campanha é desativado em unidade de saúde em Fortaleza
Unidade recebeu 1.185 pacientes com Covid-19 e o último paciente teve alta no domingo (13)
DÉBORA BRITTO
Postado em 14 de junho de 2021
Hospital de campanha é desativado em unidade de saúde em Fortaleza
O equipamento foi desativado após 108 dias de fundionamento em 2021, quando recebeu 1.185 pacientes. Foto: Divulgação

Construído com o objetivo de tratar casos exclusivos de Covid-19, o Hospital de Campanha da Unimed em Fortaleza teve suas atividades encerradas, nesta segunda-feira (14). O equipamento foi desativado após 108 dias de funcionamento em 2021, quando recebeu 1.185 pacientes.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Os atendimentos começaram em 29 de março de 2020 e, na época, atendeu 237 pacientes internados, durante 38 dias em que funcionou. Em nota, a operadora de plano de saúde informou que, no último domingo, 13, o hospital de campanha deu alta ao último paciente internado. A previsão é que toda a estrutura seja removida até o fim deste mês de junho.

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o presidente da Unimed Fortaleza, Elias Leite, falou sobre o processo da unidade hospitalar especializada no tratamento para covid-19. “Hoje é um dia muito especial e muito esperado por todos nós. Neste momento estamos sem nenhum paciente no nosso hospital de campanha. Pessoal, são 15 meses nessa luta e com vários sentimentos, cansaço, medo, medo de não dar conta mas sempre com muita vontade de vencer e superar tudo isso”, comentou.

>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

Os pacientes da unidade de saúde que buscarem internação para tratamento de Covid-19 receberão atendimento na própria estrutura do hospital particular. São 100 leitos de UTI disponibilizados, ondem 68 estão ocupados.

No hospital, são 130 leitos de enfermaria, dos quais 66,1% seguem ocupados. Os dados são da plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa).

Saiba mais

Leia também | Estudo mostra que máscaras de algodão têm eficiência de 20% a 60%

Leia também | Quais cuidados tomar antes e depois da vacina contra a Covid-19?

 

 


Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do GC+. Se achar algo que viole os termos de uso clique aqui para reportar.

  • Eliane Ferreira do nascimento

    Eu estou precisando muito dessa sesta básica

  • Ângelo patrick de Oliveira Campos Galvão

    Comofazer esse cadostro

Deixe seu comentário