DJ Ivis é indiciado pela Polícia Civil do Ceará por lesão corporal, injúria e ameaça | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
AGRESSÃO DOMÉSTICA
DJ Ivis é indiciado pela Polícia Civil do Ceará por lesão corporal, injúria e ameaça
O 1º Inquérito que apura o caso foi concluído pela Delegacia Metropolitana de Eusébio e já foi remetido à Polícia Civil.
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 27 de julho de 2021
DJ Ivis é indiciado pela Polícia Civil do Ceará por lesão corporal, injúria e ameaça
DJ Ivis está preso desde o último dia 14 de julho. Foto: Reprodução / TV Cidade Fortaleza

A Polícia Civil do Ceará (PC-CE) decidiu indiciar Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, preso há 13 dias, pelos crimes de lesão corporal leve a mulher em âmbito familiar, injúria e ameaça.

>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<

O primeiro inquérito que investiga as agressões do artista à ex-esposa Pammela Holanda foi conduzido pela Delegacia Metropolitana de Eusébio, que está à frente do caso. Havia a possibilidade de DJ Ivis ser indiciado por tentativa de homicídio, linha de investigação refutada, por enquanto. Segundo a Polícia Civil, o inquérito já foi remetido ao Poder Judiciário.

A pena para todos para os crimes ao qual foi indicado no inquérito é de detenção, segundo Código Penal brasileiro. Diante da decisão, os advogados de DJ Ivis aguardam que ele seja solto e responda em liberdade.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

DJ Ivis está preso desde o último dia 14 de julho, três dias após Pamella denunciar as imagens de agressão doméstica em suas redes sociais. Inicialmente, o suspeito ficou detido na Delegacia de Capturas e Polinter (Decap), no Centro de Fortaleza, sendo transferido na sequência para a Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes, em Aquiraz, município da Região Metropolitana de Fortaleza, onde está atualmente.

Entenda o caso das agressões de DJ Ivis contra a ex-esposa

Na noite de 11 de julho deste ano, a arquiteta Pamella Holanda publicou uma sequência de vídeos que mostram o homem desferindo socos, chutes, empurrões e outras agressões contra ela. Em seguida, o homem se defendeu, afirmando que estava sendo vítima de chantagens. Ainda durante a noite, diversos artistas se manifestaram sobre o caso e repudiaram a violência contra a mulher. Na ocasião, a Polícia Civil informou que o DJ Ivis estava sendo investigado pelas agressões.


Deixe seu comentário