Roubos de veículos caem 17% em Fortaleza em 2021 | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
DADOS DA SSPDS
Roubos de veículos caem 17% em Fortaleza em 2021
Ceará também apresentou retração nas ocorrências
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 23 de novembro de 2021
Roubos de veículos caem 17% em Fortaleza em 2021
Foto: Ascom SSPDS

Os roubos de veículos em Fortaleza caíram 17,1% entre janeiro e outubro de 2021, na comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados são da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Nos dez primeiros meses do ano, foram registradas 3.537 ocorrências de roubo de veículos, contra 4.268 roubos em 2020. No Estado, também houve retração durante esses meses. Em 2021, o acumulado é de 6.593 roubos, contra 7.334 no ano passado, representando uma redução de 10,1%.

De acordo com o delegado Pedro Viana, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC) da Polícia Civil, o trabalho integrado das Polícias Civil e Militar é benéfico à sociedade cearense.

“A DRFVC, por exemplo, tem um banco de dados com diversos indivíduos envolvidos em tais crimes e faz um constante monitoramento dos integrantes de grupos especializados em tais delitos. Há também um constante trabalho de fiscalização em sucatas, oficinas e desmanches de veículos, pois parte dos veículos roubados são desmanchados para alimentar o mercado clandestino de venda de peças de veículos usados. Atacamos o receptador e assim diminui o roubo, pois muitas vezes os roubos de veículos são encomendados por receptadores”, detalha o delegado.

Leia também | Roubos e furtos de veículos caem 10% no Ceará em 2021

Redução de furtos

Ainda, conforme os dados, Fortaleza também mantém redução, entre janeiro e outubro de 2021, nas ocorrências de furtos de veículos. Enquanto nos dez primeiros meses deste ano, foram 1.862 furtos, no ano passado foram 2.127 no mesmo período, o que representa uma retração de 12,5%. Em todo o Ceará, aconteceram 3.263 furtos, contra 3.413 no mesmo período, em 2020. A redução é estimada em 4,4%.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário