Grávida que recusou vacina morre por Covid-19 em cidade no interior do Ceará | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
COMPLICAÇÕES DA DOENÇA
Grávida que recusou vacina morre por Covid-19 em cidade no interior do Ceará
Mulher não resistiu após o parto, mas criança nasceu e segue internada.
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 24 de janeiro de 2022
Grávida que recusou vacina morre por Covid-19 em cidade no interior do Ceará
Mulher buscou atendimento inicialmente no hospital municipal de Tamboril. Foto: Prefeitura de Tamboril

Um gestante que recusou tomar a vacina morreu e se tornou a primeira vítima por Covid-19 contabilizada na cidade de Tamboril, município localizado no Sertão de Crateús, a 294,8 km de Fortaleza.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

A mulher tinha 32 anos e havia sido chamada para se imunizar contra a Covid-19 pela Prefeitura de Fortaleza, mas se negou a receber as doses de vacina.

Leia também | Novo carregamento da vacina pediátrica da Pfizer chega ao Brasil

De acordo com o secretário de Saúde da Tamboril, a gestante apresentou um quadro clínico grave e teve que ser transferida do hospital do município para uma unidade em Sobral (na região Norte do Estado). Na unidade, a mulher foi submetida a um teste de Covid-19 e o resultado deu positivo para a doença.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<

Duas semanas antes de sua morte, a mulher chegou a assinar um termo confirmando a recusa da vacina e assumindo responsabilidade pela decisão. Na última quinta-feira (20), morreu por complicações da doença. Antes, foi submetida ao parto. Apesar da mãe não ter resistido, a criança nasceu e segue internada na UTI Neonatal.

Leia também | Tratamento precoce continua sendo o maior aliado contra o câncer infantil

 

 


Deixe seu comentário