Autoridades lamentam mortes de policiais rodoviários federais | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
CEARÁ
Autoridades lamentam mortes de policiais rodoviários federais
Márcio Hélio Almeida de Sousa e Raimundo Bonifácio do Nascimento Filho morreram nesta quarta-feira (18), na BR-116
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 18 de maio de 2022
Autoridades lamentam mortes de policiais rodoviários federais
Foto: Divulgação

Autoridades políticas e entidades sindicais se manifestaram sobre as mortes dos policiais rodoviários federais, nesta quarta-feira (18). Morreram na ação Márcio Hélio Almeida de Sousa e Raimundo Bonifácio do Nascimento Filho, na BR-116.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Mortes de policiais rodoviários federais

Em postagem nas redes sociais, a governadora do Ceará, Izolda Cela, se pronunciou sobre o episódio.

“Lamento profundamente o episódio em que dois policiais da PRF perderam a vida, hoje, na BR-116, em Fortaleza. Segundo fui informada pelo nosso secretário da Segurança, os policiais tentavam ajudar um homem que vagava pela via, quando tiveram a arma tomada por ele e foram atingidos a tiros. O homem também perdeu a vida”, postou.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, compartilhou uma mensagem lamentando as mortes dos dois policiais rodoviárias federais.

“Hoje é um dia triste para as famílias de dois queridos colegas da PRF e para todos nós do #MJSP [Ministério da Justiça e Segurança Pública] e da corporação devido às mortes de dois PRFs em Fortaleza, nesta quarta-feira (18), no cumprimento do dever. Que Deus as abençoe e os abençoe”, diz a mensagem postada na rede social.

O prefeito de Fortaleza, Sarto Nogueira (PDT), também lamentou a morte dos policiais.

“Manifesto todo o meu pesar diante da morte de dois policiais rodoviários federais, após serem baleados enquanto trabalhavam no viaduto da avenida Oliveira Paiva, na manhã desta quarta-feira. É estarrecedor imaginar a interrupção da vida de forma tão abrupta, no exercício de uma missão tão nobre. Os trabalhadores tentavam ajudar um homem que parecia desnorteado na pista, quando tiveram a arma tomada e foram atingidos por disparos. O homem também morreu. Lamento por essa tragédia e dedico a minha solidariedade aos familiares e amigos, neste difícil momento”, escreveu o gestor.

O Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais do Ceará emitiu nota sobre o crime:

Nós do Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado do Ceará não podemos e não nos contaminaremos com a banalização da morte. Queremos, sim, que a violência cesse, e para isso trabalharemos com respostas efetivas para que mais um caso envolvendo mortes de policiais não passe em vão.

A consternação é ainda mais acentuada quando dois de nossos agentes são atingidos no exercício de sua missão. É inconcebível a agressão contra a sociedade, ainda menos contra aqueles cujo dever de ofício é a contenção da violência e a proteção da comunidade, no grave momento em que os Policiais Rodoviários Federais clamam por valorização da categoria.

O SINDPRF-CE realizará grande homenagem aos colegas, que pagaram o mais alto preço possível no mister de defensores da lei e da paz social, ao passo em que continuará a incessante luta na defesa do respeito às condições de trabalho e à valorização da carreira, e conta com a participação e mobilização de toda a categoria.

Às famílias, colegas e amigos dos PRFs Márcio Souza e Bonifácio, nossa admiração e profundo pesar.

Leia mais | Agentes mortos na BR-116 estavam na PRF há mais de 15 anos

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário