Confira bairros com produtos mais caros e mais baratos de Fortaleza | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
PROCON
Confira bairros com produtos mais caros e mais baratos de Fortaleza
Segundo pesquisa do Procon, as Regionais 10 e 1 apresentam os preços mais elevados
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 28 de julho de 2021
Confira bairros com produtos mais caros e mais baratos de Fortaleza
Confira bairros com produtos mais caros e mais baratos de Fortaleza (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

Os bairros Aracapé, Canindezinho, Conjunto Esperança, Novo Mondubim, Parque Santa Rosa, Parque São José, Presidente Vargas, Jardim Cearense, Maraponga, Mondubim e Vila Manoel Sátiro, que compreendem a Regional 10, têm os produtos mais caros de Fortaleza. As informações são da nova pesquisa de preços nos supermercados da Capital, realizada pelo Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza), entre os dias 14 e 15 deste mês.

Na Regional 10, a soma dos 61 itens custa cerca de R$ 721,24. Em segundo lugar, a Regional 1, que concentra bairros como Carlito Pamplona, Jacarecanga e Vila Velha, também foram encontrados os valores mais elevados, saindo por R$ 700,12 os 61 produtos consultados.

Já na Regional 3, em bairros como Monte Castelo, Quintino Cunha e São Gerardo foram encontrados os menores preços, somando R$ 611,63.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Lista de preços por Regionais

  • Regional 10 – R$ 721,24
  • Regional 1 – R$ 700,12
  • Regional 2 – R$ 696,69
  • Regional 11 – R$ 676,00
  • Regional 6 – R$ 673,52
  • Regional 4 – R$ 668,11
  • Regional 12 – R$ 664,68
  • Regional 7 – R$ 662,18
  • Regional 9 – R$ 646,84
  • Regional 5 – R$ 644,98
  • Regional 8 – R$ 621,03
  • Regional 3 – R$ 611,63

Leia mais | Confira como ter acesso remoto aos serviços do Procon Fortaleza durante a pandemia

Metodologia

O Procon Fortaleza realiza a pesquisa com itens considerados de primeira necessidade. A análise de preços é dividida por itens de alimentação, carnes e aves, padaria, refrigerantes, frutas e verduras, higiene pessoal, limpeza doméstica e ainda cuidados e higiene infantil. Os preços são coletados, presencialmente.

Dicas para comprar produtos em Fortaleza

  • Verifique as datas de promoções e dias de ofertas;
  •  Analise os encartes distribuídos como sendo de produtos promocionais e exija os mesmos preços nos caixas. Se houver divergência, o consumidor tem o direito de pagar sempre o menor valor;
  •  Avalie e faça as contas com as despesas mensais, como mensalidades escolares, impostos parcelados e outros;
  •  Faça uma lista dos produtos que realmente precisa comprar;
  •  Evite realizar as compras com fome ou acompanhado de crianças;
  •  Pesquise preços e verifique a melhor forma de pagamento e descontos nos pagamento à vista, em dinheiro e no cartão de crédito;
  •  Confira a data de validade dos produtos;
  •  Nem sempre o produto com tarja vermelha é o mais barato. Procure a categoria do item exposto como promocional e escolha um produto que seja mais em conta. Certamente, você sairá economizando;
  •  Na entrada de lojas e supermercados, por exemplo, normalmente são colocados produtos que induzam o consumidor à compra. Portanto, evite-os;
  •  Alimentos congelados devem ser colocados por último no carrinho para que sua qualidade não seja comprometida.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário