Como usar o meu 13º salário? Confira dicas de especialistas | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
DINHEIRO EXTRA
Como usar o meu 13º salário? Confira dicas de especialistas
No segundo ano de pandemia, muitas famílias viram as contas de casa apertarem e aguardam ansiosas pelo benefício
REDAÇÃO GCMAIS COM R7
Postado em 23 de novembro de 2021
Como usar o meu 13º salário? Confira dicas de especialistas
Foto: Marcos Santos/USP Imagens

O final de ano se aproxima e com ele chega um alívio financeiro para muitos brasileiros: o 13º salário, e algumas dicas são fundamentais para um bom uso desses recursos. No segundo ano de pandemia, muitas famílias viram as contas de casa apertarem e aguardam ansiosas pelo benefício.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Para Reinaldo Domingos, PhD em educação financeira e presidente da Abefin (Associação Brasileira de Educadores Financeiros), apesar de o 13º não ter sido criado propriamente para aliviar apertos no final do ano, ele foi pouco a pouco sendo incorporado no orçamento das famílias.

Segundo ele, o dinheiro extra não deveria ser utilizado para quitar dívidas, mas, infelizmente, essa é realidade de boa parte da população brasileira, especialmente por conta da pandemia. É necessário entender o que se deve, qual o real fôlego para negociação e buscar credores. No entanto, “é preciso ter cuidado para não fechar acordos que não conseguirá honrar, se complicando ainda mais”.

É o que afirma a educadora financeira Teresa Tayra, também. Para ela, bons passos a se seguir são:

  • Mapear o orçamento;
  • Verificar se o padrão de vida está de acordo com a renda;
  • Buscar a renegociação.

Presentes de Natal

Receber o 13º na conta, mas sair às compras com cartão de crédito é uma estratégia adotada por muitos brasileiros. Porém, é um movimento que pode gerar a chamada ‘bola de neve’. Teresa sugere algumas dicas para ajudar a controlar os gastos e evitar abusos nas compras:

  • Prepare uma lista do que pretende comprar;
  • Quem vai presentear;
  • Quais os limites de valores.

Reinaldo Domingos reforça a importância de se planejar, mas ressalta que o ideal é inserir a ceia de Natal e os presentes já no orçamento financeiro mensal. Assim será possível poupar o 13º para realizar algum objetivo ou se proteger de possíveis perdas de emprego e redução salarial.

Segundo Teresa Tayra, o esforço de manter parte desse valor guardado vale a pena, principalmente porque o início de ano traz consigo alguns gastos que afetam o orçamento da família. Entre eles:

  • IPVA;
  • IPTU;
  • Matrícula de escola;
  • Material escolar;
  • Uniforme escolar.

Leia também | Como fica o 13º salário para o trabalhador que aderiu ao Benefício Emergencial?

13º salário: investir é uma das dicas

Outra opção dada pelos especialistas é investir. No entanto, é preciso saber, antes de tomar qualquer atitude, qual é o seu objetivo com aquele investimento: uma viagem, a compra de um carro, a aquisição de um imóvel, e por aí vai, diz Domingos.

Além disso, Teresa destaca a importância de saber se o investimento é de curto, médio e longo prazo. Esse passo é importante pois seu objetivo pode variar de um, até dez anos, o que requer paciência e, acima de tudo, planejamento.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário