Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
EM FORTALEZA
Covid-19: boletim epidemiológico apresenta redução na média móvel de casos
Segundo o IntegraSUS, a taxa de ocupação de leitos de UTIs em Fortaleza está atualmente em 90,26% e a taxa de ocupação de enfermarias é de 84,24%.
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 24 de maio de 2021
Covid-19: boletim epidemiológico apresenta redução na média móvel de casos
Foto: Prefeitura de Fortaleza

Segundo dados do boletim epidemiológico divulgado pela plataforma IntegraSUS, neste último domingo (23), às 17h40min, a cidade de Fortaleza já registra 229.632 casos confirmados da doença, com 112.936 pessoas recuperadas e 8.312 óbitos. Os dados apontam uma redução da média móvel (janela de 7 dias) de casos e de óbitos na Capital.

Na capital, de acordo com o último boletim epidemiológico divulgado no dia 21 de maio pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), comparado aos meses de março e abril houve uma redução dos casos, mas chamou atenção para a concentração de óbitos nos bairros Conjunto Ceará I e II até chega à região do Grande Bom Jardim. Já as regiões da Aldeota, Meireles, Cocó e Vicente Pinzon voltam apresentar aumento no número de casos da doença.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Imagem: SMS

Ouça

Taxa de ocupação e espera por leitos na Capital

Segundo o IntegraSUS, a taxa de ocupação de leitos de UTIs em Fortaleza está atualmente em 90,26% e a taxa de ocupação de enfermarias é de 84,24%. Os hospitais Dr. César Cals, São Raimundo, Martiniano Alencar, Hospital da Mulher e São José estão com 100% de leitos de UTI adulto ocupados. Já as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) estão com 60 pacientes internados.

Já o número de pacientes diagnosticadas com Covid-19 que aguardam transferência para leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) é de 19 pessoas e 16 aguardam por vagas em enfermarias. Em todo o estado, 205 pessoas aguardam uma vaga de UTI e 116 guardam vagas em enfermarias.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário