Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
COVID-19
Fortaleza pode começar vacinação da população geral na próxima semana
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 31 de maio de 2021
Fortaleza pode começar vacinação da população geral na próxima semana
Foto: Prefeitura de Fortaleza

A vacinação contra covid-19 para o público geral em Fortaleza pode começar já na próxima semana. Foi isso que anunciou o prefeito José Sarto em entrevista nesta segunda-feira (31) na Praça do Ferreira.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Leia também | Novo decreto estadual libera reabertura no Sertão Central, Litoral Leste e Jaguaribe; Cariri segue com restrições

Segundo ele, a partir da próxima semana as pessoas com mais de 18 anos que não se encaixam nos grupos prioritários podem começar a receber as vacinas contra covid, mas isso depende do andamento das fases anteriores. A secretária Municipal da Saúde, Dra. Ana Estela Leite, ressaltou que nesta terça-feira (1º) deve ser realizada uma reunião da Comissão Intergestores Bipartite do Estado do Ceará (CIB-CE) para discutir essa vacinação.

Live da Prefeitura de Fortaleza

A informação foi reforçada pela secretária da Saúde durante a live de balanço da vacinação desta segunda-feira:

“Haverá uma CIB extraordinária amanhã. Caso haja uma abordagem, o que Fortaleza, enquanto executor, diz para a população, é que nós estamos preparados, concluindo todos estes grupos essa semana, e conforme a pactuação poderemos avançar cada vez mais na vacinação”, afirmou.

Segundo a Dra. Ana Estela Leite, a Prefeitura de Fortaleza pretende concluir, até o final desta semana, a vacinação da população em situação de rua, trabalhadores da educação, trabalhadores portuários, do transporte aéreo e da segurança. 

Ministério autoriza vacinação para público geral

O Ministério da Saúde anunciou na última sexta-feira (28), em nota no site oficial, a autorização para o início da vacinação para a população geral, entre 18 e 59 anos, nos estados e municípios que relataram demanda diminuída dos grupos elencados no plano de vacinação.

“Esse grupo poderá começar a ser imunizado de maneira escalonada e por faixas etárias decrescentes, desde que a vacinação dos grupos prioritários restantes seja mantida e cumprida, de acordo com a ordem estabelecida pelo PNO [Plano Nacional de Operacionalização de Vacinação contra a Covid-19]”, acrescenta o ministério ao informar que começará a enviar doses aos estados, de forma escalonada, para atender a esse público, juntamente com outros grupos prioritários.

>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário