Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
NOS POSTOS DE SAÚDE
Fortaleza começa 3ª fase da vacinação contra gripe nesta quarta (9); confira quem pode se vacinar
A vacinação contra gripe acontece nas salas dos 116 postos de saúde da Capital, das 8h às 17h.
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 9 de junho de 2021
Fortaleza começa 3ª fase da vacinação contra gripe nesta quarta (9); confira quem pode se vacinar
Foto: Prefeitura de Fortaleza

A Prefeitura de Fortaleza começa nesta quarta-feira (9) a 3ª fase da vacinação contra a gripe. O atendimento à população acontece nas salas dos 116 postos de saúde da Capital, das 8h às 17h.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Leia também | Faça o cadastro para receber a vacina contra Covid-19 em Fortaleza

Nesta terceira fase da campanha de imunização contra os vírus da gripe serão beneficiados os seguintes públicos:

  • pessoas com comorbidades ou deficiência permanente;
  • caminhoneiros;
  • trabalhadores de transporte coletivo, rodoviário, urbano e de longo curso;
  • trabalhadores portuários;
  • forças de segurança e salvamento;
  • forças armadas;
  • funcionários do sistema de privação de liberdade;
  • população privada de liberdade;
  • adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

A vacina da gripe é voltada para imunizar a população contra os três tipos de vírus que causam a doença: Influenza A (H1N1), H3N2 e Influenza B. “A vacina contra a influenza, assim como a da Covid-19, é uma vacina pandêmica. É importante que o público contemplado busque os postos para receber a imunização para evitar um novo surto de gripe e para que possa haver um diferencial de diagnósticos entre as duas doenças”, afirma Vanessa Soldatelli, coordenadora de Imunização da Secretaria Municipal da Saúde.

A Secretaria da Saúde também informa que as pessoas que tomaram a vacina contra covid-19 recentemente devem esperar um prazo de 14 dias para tomar o imunizante da gripe e vice-versa.

Leia também | Covid-19: Ceará pretende vacinar toda a população dos 18 aos 59 anos até agosto

Documentação para a vacinação contra gripe

Para receber a vacina da gripe, todos os grupos deverão apresentar documento oficial com foto e cartão do SUS.

Os caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo, rodoviário, urbano e de longo curso, trabalhadores portuários, forças de segurança e salvamento, forças armadas e funcionários do sistema de privação de liberdade devem apresentar também documento que comprove a vinculação ativa na área.

Pessoas com comorbidades poderão apresentar, além do documento de identificação, qualquer comprovante que demonstre pertencer ao grupo (exames, receitas, relatório médico, prescrição médica etc.). Adicionalmente, poderão ser utilizados os cadastros já existentes dentro das Unidades de Saúde, caso possuam.

Pessoas com deficiência permanente deverão apresentar apenas os documentos básicos de identificação, já que a deficiência é autodeclarada.

Leia também | Caucaia começa a vacinar pessoas entre 45 e 59 anos contra covid-19 nesta quarta (9)

Lista de comorbidades

– Doenças respiratórias crônicas:
Asma em uso de corticoide inalatório ou sistêmico (moderada ou grave), doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), bronquiectasia, fibrose cística, doenças intersticiais do pulmão,
displasia broncopulmonar, hipertensão arterial pulmonar, crianças com doença pulmonar crônica da prematuridade.

– Doenças cardíacas crônicas:
Doença cardíaca congênita, hipertensão arterial sistêmica com comorbidade, doença cardíaca isquêmica, insuficiência cardíaca.

– Doenças renais crônicas:
Doença renal nos estágios 3,4 e 5, síndrome nefrótica, paciente em diálise.

– Doenças hepáticas crônicas:
Doença hepática crônica Atresia biliar; Hepatites crônicas; Cirrose.

– Doença neurológica crônica:
Acidente Vascular Cerebral; Indivíduos com paralisia Cerebral; Esclerose múltipla; Doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular; Deficiência neurológica grave.

– Diabetes Mellitus tipo I e tipo II em uso de medicamentos.

– Imunossuprimidos:
Imunossupressão Imunodeficiência congênita ou adquirida
Imunossupressão por doenças ou medicamentos

– Obesidade grau III.

– Transplantados.

– Portadores de trissomias:
Síndrome de Down, Síndrome de Klinefelter, Síndrome de Warkany, dentre outras trissomias.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário