Fortaleza

Fortaleza registra a menor temperatura do ano nesta segunda-feira

De acordo com a Funceme, os termômetros oficiais da Capital cearense apontaram 22,5º C

Compartilhe:
4 de julho de 2022
Glauber Sousa
Fortaleza registra a menor temperatura do ano nesta segunda-feira
Foto: Funceme

Fortaleza amanheceu fria, nublada e com chuva isolada nessa segunda-feira (4/7). Além disso, a capital cearense também registrou uma temperatura de 22,5 ºC, por volta das 6h, nos termômetros oficiais da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Relógios de rua chegaram a marcar 21ºC em alguns pontos da cidade.

Meiry Sakamoto, gerente de meteorologia da Funceme, esclarece que “pode acontecer desses termômetros de rua registrarem 21ºC e até 20ºC. Contudo, existe uma diferença entre a forma que é medida nos termômetros na rua e nos termômetros das estações meteorológicas, por isso que pode dar essa diferença”.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Temperatura em Fortaleza

Segundo a gerente, apesar de ser inverno do hemisfério sul, as temperaturas no estado do Ceará não costumam variar tanto devido à proximidade da região com a linha do Equador. A temperatura registrada em Fortaleza na manhã desta segunda-feira correspondem à climatologia esperada para o mês de julho.

“O período principal de chuva no estado já passou, então há menos nuvens no céu. A gente teve alguma chiva hoje pela manhã, mas a maior parte da nebulosidade já reduziu bem. Ao longo do dia há muita radiação solar e tardes muito quentes”, afirma Meiry Sakamoto.

Leia também | Alagoas tem 50 municípios em emergência devido às chuvas

Astronomia: julho terá chuva de meteoros e Lua dos Cervos

Batizada de “Buck Moon” – ou Lua dos Cervos, em tradução livre – pela cultura nativo-americana dos Estados Unidos, a Lua cheia de julho, que também é a terceira Superlua do ano, será um dos principais eventos astronômicos do mês, que tem uma agenda repleta para os entusiastas da observação.

O inverno de 2022, iniciado em 21 de junho, é a época mais propícia para observações astronômicas. Com a queda da umidade atmosférica, os céus sem nuvens e as noites mais longas facilitam a captação de luzes estelares.

Já no começo do mês, precisamente no dia 4, a Terra estará posicionada em afélio – o ponto da órbita em que se registra a maior distância possível do Sol. A Lua dos Cervos inicia o ciclo no dia 6 de julho, quando entra na fase de quarto-crescente. O perigeu – fase em que o satélite natural está mais próximo da Terra e que caracteriza a Superlua – se dá no dia 13 de julho, dia em que o fenômeno atinge o ápice.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<