Chefe de facção criminosa é preso tentando fugir em um táxi no interior do Ceará | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
MOMBAÇA
Chefe de facção criminosa é preso tentando fugir em um táxi no interior do Ceará
O homem estava na lista dos criminosos mais procurados do Estado
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 15 de novembro de 2021
Chefe de facção criminosa é preso tentando fugir em um táxi no interior do Ceará
Foto: Divulgação / SSPDS

Um chefe de uma facção criminosa foi preso na noite do último domingo (14) pela Polícia Militar do Ceará (PMCE) enquanto tentava fugir em um táxi na zona rural de Mombaça, no interior do Estado. O homem figurava no programa de recompensa da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), que reúne os criminosos mais procurados do Estado.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Leia também | Bolsonaro: ‘por ser uma floresta úmida, Amazônia não pega fogo’

A ação começou quando os policiais militares do Comando de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) foram informados que o chefe da facção estava tentando fugir em um táxi. Os agentes de segurança deram início às diligências e abordaram o veículo.

No carro, os policiais encontraram Rogério Araújo de Freitas, de 29 anos, conhecido como “Chocolate”. Ele é apontado como chefe de uma facção com atuação no bairro Vila Velha, em Fortaleza, e se encontrava foragido do sistema prisional do Ceará. O homem é suspeito, ainda, de homicídio.

Leia também | Novo auxílio financeiro de R$ 200 é liberado e já pode ser sacado; veja quem tem direito

Além do criminoso, estavam no táxi a esposa do chefe da organização criminosa, uma criança e outros dois ocupantes, sendo um com mandado de prisão em aberto e o taxista.

Os suspeitos foram conduzidos ao plantão da Delegacia Regional Senador Pompeu. Lá, foi cumprido um mandado de prisão preventiva em desfavor Rogério Araújo e João Vitor Oliveira Lima, de 19 anos, foi autuado pela suspeita de participar de um triplo homicídio. Contra o taxista e a esposa do fugitivo foi instaurado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Leia também | Como saber se vou ser selecionado para o Auxílio Brasil de R$ 400?


Deixe seu comentário