Ministério da Saúde recomenda que vacinação em adolescentes, contra a Covid-19, seja suspensa | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
VACINAÇÃO COVID-19
Ministério da Saúde recomenda que vacinação em adolescentes, contra a Covid-19, seja suspensa
Em Fortaleza, Secretaria Municipal de Saúde vai estudar se mantém a imunização do público entre 12 a 17 anos
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 16 de setembro de 2021
Ministério da Saúde recomenda que vacinação em adolescentes, contra a Covid-19, seja suspensa
Público de 12 a 17 anos que perdeu repescagem da vacina contra a Covid-19 terá nova oportunidade a partir segunda-feira (4). (Foto: Prefeitura de Fortaleza)

Nesta quinta-feira (16), o Ministério da Saúde publicou uma nota informativa em que recomenda a suspensão da vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades, contra a Covid-19. Com isso, a orientação da pasta é que não seja feita a vacinação deste público.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Agora, a vacinação deve abranger somente três perfis: adolescentes com deficiência permanente, adolescentes com comorbidades e adolescentes que estejam privados de liberdade. O Ministério ressalta que os adolescentes sem comorbidades iriam formar o “último subgrupo elegível para vacinação e somente vigoraria a partir do dia 15 de setembro”.

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) informou que irá estudar se deve manter ou não a imunização de adolescentes entre 12 a 17 anos. A análise será feita com integrantes da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa).

Por outro lado, a Organização Mundial da Saúde (OMS) explica que “crianças e adolescentes são menos propensos a ter complicações por causa da doença, e diz que a vacinação ampla deste público é “menos urgente” do que vacinar outros grupos, como pessoas mais velhas, com comorbidades e trabalhadores da saúde.

Leia também: Variante Mu no Ceará: veja o que se sabe sobre a cepa colombiana

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário