Saiba mais sobre a cefaleia refratária, diagnóstico de Virgínia Fonseca | Portal GCMAIS

Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
YOUTUBER INTERNADA
Saiba mais sobre a cefaleia refratária, diagnóstico de Virgínia Fonseca
A influenciadora está hospitalizada desde domingo (15) após se queixar de fortes dores na cabeça
REDAÇÃO GCMAIS
Postado em 19 de maio de 2022
Saiba mais sobre a cefaleia refratária, diagnóstico de Virgínia Fonseca
Foto: Reprodução/Instagram

A influenciadora Virginia Fonseca continua internada com cefaleia refratária à analgesia convencional, no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo. Ela está hospitalizada desde o último domingo (15) após sentir fortes dores de cabeça. Com a confirmação do diagnóstico, muitos fãs e seguidores de Virginia têm procurado entender mais sobre a doença e quais os riscos que ela representa.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

A youtuber está grávida de três meses do segundo filho, fruto de seu relacionamento com Zé Felipe. Segundo o comunicado, não há qualquer problema com o bebê. “A avaliação obstétrica diária demonstra que a gestação transcorre normalmente, sem intercorrências, e o feto encontra-se com boa vitalidade”, completa.

Cefaleia refratária

A condição ocorre em menos de 1% dos pacientes que sofrem com enxaqueca. A cefaleia refratária trata-se de uma espécie de ataque ou crise com uma dor latejante em um ou dos dois lados da cabeça, acompanhada de náusea, vômito e sensibilidade a luz, sons e cheiros. Essa dor prolongada por mais de três dias caracteriza a cefaleia refratária e costuma levar pacientes ao hospital.

Podem ser usados remédios intravenosos, além de hidratação. Os medicamentos comumente aplicados são os triptanos. Segundo a Sociedade Brasileira de Cefaleia, “o efeito terapêutico desses medicamentos deve-se à sua ação agonista sobre os receptores de serotonina 5HT1B e 5HT1D, o que leva à constrição dos vasos cranianos e à inibição da inflamação neurogênica que ocorre na enxaqueca”. Também são administradas drogas como a ondansetrona, para o tratamento de náuseas e vômitos.

Leia também | Presidente do STF vota pela manutenção de multa a motorista que recusa bafômetro

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<


Deixe seu comentário