Notícias

Seis casos da varíola dos macacos são descartados no Ceará

Outros 10 ainda seguem em investigação.

Compartilhe:
1 de julho de 2022
Glauber Sousa
Seis casos da varíola dos macacos são descartados no Ceará
Foto: Agência Brasil

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) informou que até essa quinta-feira, 30 de junho, foram descartados mais quatro casos de Monkeypox (varíola dos macacos) no estado, totalizando seis ocorrências descartadas. No Ceará, foram notificados 17 casos suspeitos. As notificações descartadas laboratorialmente são dos municípios de Fortaleza (1) , Maracanaú (1), Cedro (1), São Gonçalo do Amarante (1), Caridade (1) e Ocara (1). Outros 10 ainda seguem em investigação.

O paciente com caso confirmado tem 35 anos, residente de Fortaleza e esteve em São Paulo e no Rio de Janeiro, cidades que já registraram confirmação de casos. Os pacientes suspeitos são residentes dos municípios de Fortaleza (7), Caucaia (1), Juazeiro do Norte (1) e Russas (1).

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Em todas as notificações foram aplicadas as medidas recomendadas, como isolamento, busca ativa de contatos e coleta de material para exames laboratoriais para elucidação do caso e para diagnóstico diferencial para outras doenças, que estão em processamento.

Saiba mais | Varíola dos macacos: conheça os sintomas e entenda como acontece a transmissão da doença

Primeiro caso de varíola dos macacos no Ceará

Por meio de nota, a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) informou, na quarta-feira (29/06), que foi confirmado o primeiro caso de Monkeypox (varíola do macaco) do Estado. De acordo com a pasta, trata-se de paciente de 35 anos, brasileiro, com histórico de deslocamento recente para São Paulo e Rio de Janeiro. As duas cidades já confirmaram casos da doença.

Ceará é o terceiro estado do Brasil a confirmar caso da doença. Ao todo, o Estado tem 14 casos suspeitos sob notificação. Dois casos foram descartados laboratorialmente dos municípios de Fortaleza (1) e Maracanaú (1). Outros 11 seguem em investigação. Os pacientes suspeitos são residentes dos municípios de Fortaleza (5), Cedro (1), Caucaia (1), Caridade (1), Russas (1), São Gonçalo do Amarante (1) e Ocara (1).

Em todas as notificações foram aplicadas as medidas recomendadas, como isolamento, busca ativa de contatos e coleta de material para exames laboratoriais para elucidação do caso e para diagnóstico diferencial para outras doenças, que estão em processamento.

>>>Acompanhe o GCMAIS no YouTube<<<