Jovem Pan News FM 92.9

AO VIVO
SEGURANÇA PÚBLICA
Com 14 homicídios só em abril, Caucaia vai receber operação ostensiva de um mês da Polícia Militar
A operação reúne diversas forças especiais de segurança na busca de combater a onda de violência na região
REDAÇÃO GCMAIS COM INFORMAÇÕES DA TV CIDADE FORTALEZA
Postado em 17 de abril de 2021
Com 14 homicídios só em abril, Caucaia vai receber operação ostensiva de um mês da Polícia Militar
Foto: Théa Morel / GCC

O aumento dos crimes violentos vem assustando os moradores de Caucaia. Só em abril, pelo menos 14 homicídios foram registrados na região, fazendo com que o mês já seja considerado o mais sangrento deste ano. Diante deste cenário, a Polícia Militar começa, neste sábado (17), uma operação especial de, pelo menos, um mês na busca por frear a violência em Caucaia.

>>>Siga o GCMAIS no Google Notícias<<<

Durante os próximos trinta dias, forças especiais de segurança, como o Raio, Batalhão de Choque, Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e Força Tática vão se revezar durante 24 horas na ronda da região. A operação teve início na manhã deste sábado no Parque Soledade, onde foi instalado um ônibus da Polícia Militar que servirá como Posto de Comando.

“Existe um planejamento específico da Secretaria de Segurança. Os acontecimentos dos últimos dias aqui em Caucaia justificam uma presença maciça da polícia. E esta também é uma maneira de aproximar o trabalho dos PMs e a população”, explicou o tenente Salazar, comandante do Raio, que está à frente da primeira fase da ação neste fim de semana.

Leia também | Cerco policial prende homem armado no bairro Autran Nunes

Homicídios na Caucaia

Na última quinta-feira (15), a Polícia Militar do Ceará encontrou os corpos de duas mulheres no Parque São Gerardo, em Caucaia. Apesar de estarem sem identificação, os agentes de segurança suspeitam que uma das vítimas era namorada de Robson dos Santos, líder de uma facção que foi morto na última segunda-feira (12), em confronto com a polícia. Robson é apontado com uma das cabeças da chacina que deixou quatro pessoas mortas.

Os policiais suspeitam que as duas mulheres teriam sido raptadas do bairro Açude, amarradas, torturadas e mortas. A que seria a namorada do ex-líder da facção tem o nome dele tatuado no braço. Já a outra mulher pode ter sido morta apenas por estar na companhia dela.

Leia também | Ex-candidato a vereador de Tianguá é preso por suspeita de sequestro de uma mulher

Também na manhã da quinta-feira, a Polícia Militar do Ceará encontrou os corpos de um homem e uma mulher mortos em uma estrada de cargas na comunidade São Pedro, em Caucaia. Os agentes de segurança foram acionados ao local pelo Ciops (Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança).

Quando os policiais chegaram ao local, encontraram o casal morto, com as mãos amarradas para trás e com diversas perfurações de balas. As vítimas estavam sem identificação, mas os policiais afirmam que elas não eram da região.

A estrada de carroçal em que os dois corpos foram encontrados já é conhecida pelos moradores da região por esse tipo de ocorrência. Em um mês, a equipe da TV Cidade Fortaleza já foi até este local três vezes para registrar incidentes parecidos com este.

Leia também | Lockdown no Ceará retorna no fim de semana; veja o que pode funcionar


Deixe seu comentário